Ainda não é cadastrado?

Cadastrar

Hotéis

Autor: miriam | Data: 15 de agosto de 2013 | Categorias: Hotéis

Compartilhe:

Acabamos de voltar de Orlando e tivemos uma ótima experiência de hospedagem no hotel Caribbean Beach, um resort dentro da Disney.

Essa é a nossa 7a viagem para lá e com tantas opções de hotéis, eu nunca tive interesse e achei que compensaria pagar um valor a mais pra ficar em um resort temático dentro da Disney. Nesse ano, o que nos levou a optar por essa hospedagem foi a praticidade que alguns benefícios nos proporcionaria, pois estaríamos viajando sozinhos, pela 1a vez, com 2 crianças pequenas (ano passado levamos a babá).

Dividimos a viagem em 2 partes: A primeira semana nos dedicamos às compras e ficamos hospedados em um hotel com estrutura de apartamento (sala, cozinha, máquina de lavar e secar roupas, etc), perto dos outlets. Para essa parte não ficar tão cansativa para as crianças, intercalamos compras com algumas idas à piscina do hotel. Na segunda semana, era só curtir os parques e (tentar) relaxar. Ficamos hospedados em um resort da Disney e adoramos a experiência! O único inconveniente de tudo isso, foi ter que arrumar as malas e faze check-in e check-out de hotel duas vezes…isso acaba sendo cansativo e tomando um tempo da viagem, mas no final das contas, acho que compensou bastante.

A princípio, ficaríamos hospedados em um resort econômico da Disney, além do preço ser melhor, achamos que a decoração, o tema, seria mais mágico para as crianças, mas tivemos problema com a reserva e não encontramos mais disponibilidade. Optamos então pelo Caribbean Beach Resort, de categoria moderada, por apresentar a 2a melhor opção custo x benefício, depois dos hotéis econômicos.

Fizemos o check-in no dia 4 de agosto e no lobby, ganhamos um mapinha do hotel com a localização do nosso quarto.

Apesar de ter pego umas dicas na internet, não tivemos escolha nenhuma com relação a localização, pois ficamos em uma categoria standard. Se tivéssemos fechado um Standard Preferred Room, pelo valor de U$30,00 a mais por diária, poderíamos ter escolhido ter vista para o lago, para a piscina, ficar perto da praça de alimentação…mas não tinha mais disponibilidade. As crianças ganharam balões de gás no tema Piratas. Adoraram!

 

 

Nosso Quarto:

Achei o quarto com um tamanho bom para uma família de 4 pessoas. Não é enorme, mas também não é tão pequeno como tinha ouvido algumas pessoas reclamarem. Banheiro com banheira simples e pia separada. Tudo limpo. Possuía um frigobar, uma cafeteira (com sachês de café repostos diariamente) que foi super útil para o nosso café da manhã, uma mesa com cadeiras e banco para malas. As únicas coisas que me incomodaram muito foi o tamanho das camas  (casal) e a claridade no quarto a noite (corredor com luz acesa e cortina que não fecha totalmente)…mas acabei me acostumando com o passar dos dias.

Apesar de não termos escolhido localização, ficamos relativamente perto da praça de alimentação, piscinas, lago…achamos tranquila a caminhada até essas áreas de lazer e também não achamos ruim ter vista para uma pracinha interna.

Dica: O tema desse resort é caribe, então, além dessa decoração básica, tem a opção de um quarto de pirata, por um valor a mais. Super legal para os meninos!

Estrutura:

Ficamos encantados com o local. Não tem aquela magia de ter os personagens por todos os cantos, como os resorts econômicos, mas o clima é muito agradável.

Tudo super colorido, arborizado. Os prédios são de 2 andares e podemos estacionar os carros bem perto dos quartos e ainda pegar uma sombra… o que faz muita diferença quando se tem criança.

Cada ala tem uma cor, um nome e uma piscina simples, e fica em torno de um grande lago que imita uma praia, com direito a espreguiçadeiras, redes na areia… e muitos patinhos e esquilos que fizeram a alegria dos pequenos. Além disso, possui duas piscinas principais (adulto e infantil) e uma praça de alimentação com um restaurante a la carte, um bar da piscina e uma grande loja da Disney.

OBS: Esse não é um hotel muito novo e, apesar de conservado, bonito, a gente consegue ver alguns sinais da idade, como paredes e pisos descascados. Mas procurei focar nas coisas boas.

Lazer:

As opções são tantas que a gente nem tem vontade de ir para os parques pra ficar curtindo o hotel. Fizemos isso duas vezes e confesso que, no meio daquele sol quente na cabeça, entre uma fila e outra de um brinquedo, ficava pensando no hotel… em como seria melhor estar lá jogada naquela rede enquanto as crianças brincavam na areia ou me refrescando na piscina.

A parte infantil era sensacional, mas a piscina de adulto também fez sucesso com dois toboáguas muito legais, que até a Gabi pôde usar, e uns spas aquecidos a parte. A gente contava também com toalhas a vontade e coletes para as crianças.

Ainda tinha a opção de esportes aquáticos no lago  (canoas, pedalinhos, lanchas), aluguel daquelas bicicletas para a família toda e uma recreação que tive o prazer de participar duas vezes: uma com as crianças na praça de alimentação (jogos, desenhos para colorir e blocos de montar) e outra no lago, queimando marshmallow (uma experiência típica americana… me senti em um filme e Gabi achou uma delícia… viciou no tal marshmallow).

 

Alimentação:

Como em todos os hotéis da Disney, o Caribbean tinha uma grande praça de alimentação decorada no tema, com várias opções de refeição, seguindo a linha da culinária caribenha.

Tive a oportunidade de experimentar alguns pratos que tinham arroz (sem tempero) e feijão (tempero estranho) e vinham acompanhado de um curioso bolo de milho. Experimentei também uma salada maravilhosa e algumas massas que estavam ok. Nenhum prato me impressionou positiva ou negativamente… acho que dá pra comer direito (e barato), principalmente as opções com frango e salmão. Além do mais, tinha uma parte com vários ítens saudáveis: Frutas cortadinhas, iogurtes com granola (e sem), sucos de maça, saladinhas e uma outra parte que era tipo um bakery, com pães, croissants, etc.

O restaurante a la carte (nos hotéis econômicos da Disney não tem essa opção), o Shutters, foi uma boa escolha, mas achamos muito caro para o que proporciona. Não valeu a pena na nossa opinião. Dividi um prato com Luciano e pedi duas refeições infantis, comemos sobremesa, cerveja, café e a conta deu em torno de U$80,00. A carne estava maravilhosa, a sobremesa perfeita, mas os acompanhamentos e o peixe que veio na refeição infantil deixaram a desejar. Como em todo restaurante table da Disney, o cardápio infantil vinha em um joguinho americano de papel, com várias atividades e elas ganhavam giz de cera para colorir.

*Table são os restaurantes que têm atendimento na mesa e Quick são aqueles tipo “bandejão”.

Uma coisa legal nesse esquema de hotel Disney é que você pode comprar uma MUG (copo, caneca) na praça de alimentação e pode usar durante toda a sua hospedagem como refil de várias bebidas. Compramos apenas uma, só pela novidade e lembrança, mas pra gente, que não bebe refrigerante, leite com chocolate e o café aguado dos EUA, não compensou. Além do mais, você só pode usar na maquininha da praça de alimentação do hotel… o que acaba não sendo tão prático… pois além da maioria das pessoas não ficarem muito tempo no hotel, a maioria dos quartos fica um pouco distantes dessa área. Valor da MUG: cerca de U$16,00 com taxas.

BENEFÍCIOS DA HOSPEDAGEM EM UM RESORT DISNEY

Ao ficar hospedado em um resort da Disney você conta com alguns privilégios exclusivos durante a sua estadia, e alguns deles, fizeram uma enorme diferença na nossa viagem. Outros, acabamos nem usando.

Alguns Benefícios e o que Realmente achamos úteis:

  • Transporte Gratuito para os Parques e Downtown Disney – Não utilizamos porque alugamos carro e acho que foi a melhor decisão que tomamos porque muitas pessoas reclamaram que o ônibus demorava e parava em vários pontos até chegar ao local.
  • Estacionamento gratuito no parques – Esse utilizamos muito e gerava uma economia de U$15,00 por dia.
  • Magic Hours: Alguns dias da semana, alguns parques abrem ou fecham mais cedo apenas para os hospedes do hotel – Nem cogitamos… com criança pequena é impossível ir para os parques muito cedo e voltar muito tarde. Esse benefício passou desapercebido.
  • Entrega no seu quarto de tudo o que você comprar nas lojas dos parques Não compramos muito, não utilizamos esse serviço.
  • A chave do quarto funciona como cartão de crédito e você pode usar em todas as lojas e restaurantes dos parques, pagando a conta no check-out do hotel – Super útil mesmo. A gente não precisava andar com dinheiro, era mais prático, rápido, seguro.
  • Se comprar o ingresso no hotel ou junto com a hospedagem, seu ingresso fica também na chave do quarto, ou seja, você pode apresentar a chave do quarto como ingresso – Não compramos junto, mas nos dia em que esquecemos o ingresso no hotel, vimos que isso seria bem útil também.
  • A opção pelo Plano de Refeições Disney (pacotes de alimentação válido para os parques e os hotéis) – Infelizmente não aderimos… Luciano achou que fôssemos ficar muito presos a determinadas opções de pratos e restaurantes e acho tão cheio de regras que não quis nem entender. Me arrependi muito!
  • Opção pela compra da MUG (caneca refil de várias bebidas) para ser usada no hotel – Como disse anteriormente, não foi útil pra gente porque não consumimos as bebidas oferecidas, não ficamos muito tempo no hotel e nosso quarto não era perto da área em que ficava a máquina. Mas valeu como souvenir.
  • Transfer em ônibus da Disney: aeroporto – hotel – aeroporto – Esse benefício pra mim foi o melhor de todos. Nos permitiu economizar com o aluguel do carro, pois em toda a viagem, preocupados com a volta para o aeroporto, com muitas malas, carrinhos de bebê, acabamos optando por um carro enorme e caro por conta dessa logística. Além do mais, é muito estressante ficar arrumando mala no carro, tentando encaixar tudinho pra caber e sempre com a tensão  de faltar espaço. Outra coisa estressante é a devolução do carro: Luciano tinha que me deixar com as malas e as crianças em um local do aeroporto e voltar correndo pra devolver o carro em outro lugar, depois voltar para o aeroporto….tudo na correria. Dessa vez, uma pessoa passou 30 min. antes no nosso quarto pra pegar as malas, colocou tudo no ônibus pra nós, fui com as crianças no ônibus e Luciano foi no carro direto para o local da devolução. Foi tudo rápido, prático e, o mais importante, cômodo.

PERRENGUE NO HOTEL

A chave do hotel é um cartão que funciona com um sensor que para abrir a porta, basta apenas que a aproximemos da fechadura… diferente daquele estilo que parece uma máquina de cartão de crédito. Aparentemente parece moderno e prático, mas no momento em que mais precisávamos, a bateria descarregou e não conseguíamos abrir a porta.

Estávamos chegando no hotel exaustos, quase 1h da manhã, depois de passarmos pela péssima experiência de esperar para ver os fogos do Castelo da Cinderela… com as duas crianças apagadas, desmaiadas em nosso colo e pra completar, enquanto esperávamos uma eternidade para sermos atendidos pelo hotel, éramos atacados por mosquitos gigantes.

Foi um terror! E mesmo passando por tudo isso, a atendente ainda foi super grosseira com a gente.

No dia seguinte quando fomos reclamar, além do pedido de desculpa, ganhamos 4 fast pass vips que poderíamos usar em qualquer parque da Disney, no brinquedo que escolhêssemos  e sem horário marcado e as crianças ganharam espada de pirata e varinha mágica de princesa. Achei muito legal a forma como contornaram o problema e procuraram desfazer a péssima impressão que tinham deixado.

FIQUEM DE OLHO!

– Muita gente reclamou de mosquito. O hotel realmente tem mosquitos. Mas não sentimos tanto porque quando saíamos deixávamos o ar condicionado ligado, mantínhamos as portas fechadas e não ficávamos dando bobeira ao ar livre a partir de determinados horários.

– Uma pessoa que eu conheço e ficou hospedada lá, teve dois vestidos roubados… ultimamente isso tem acontecido em qualquer hotel de Orlando… não tem como fugir. Por isso, o meu conselho é que cuidem das suas coisas, deixando malas com cadeados e ítens de valor no cofre.

INFORMAÇÕES ÚTEIS:

O Caribbean Beach, apesar de ficar dentro da Disney, não fica tão perto dos parques, por isso é fundamental utilizar o transporte do hotel ou carro alugado.

O parque mais próximo do hotel é o EPCOT. Mas mesmo assim fica cerca de 8 km de distância. O Downtown Disney também é bem perto.

Endereço do hotel para GPS: 900 Cayman Way, Lake Buena Vista, FL 32830

Diária do quarto mais barato em agosto (fechando com menos de 15 dias antes da viagem): aproximadamente R$ 400,00.

Link do hotel: https://disneyworld.disney.go.com/resorts/caribbean-beach-resort/rates-rooms/

Comentário Final:

A opinião da gente é tão pessoal que eu e meu marido não chegamos a um acordo com relação ao hotel: eu amei tudo, super recomendo e voltaria com certeza. Ele já acha que não compensa (apesar de ter gostado) e não voltaria…

Acho que pensa assim porque, no final, é ele quem paga a conta.